De Brasília ao litoral de Carro.

No meio do caminho, a Chapada Diamantina nos encanta com tanta beleza natural.

Vivemos em Brasília, capital, em uma região central do país, portanto bem localizada para partir para outros lugares, mesmo que o Brasil tenha essa dimensão continental.

Para nós, nenhuma distância é empecilho para viajar com nossas duas crianças, um menino de 4 e uma menina de 2 anos.

De Brasília, para chegar ao litoral norte baiano de carro de forma segura, são necessários dois dias em média.

Entre 2017 e 2018, estivemos no litoral nordestino em duas oportunidades, ambas de carro.

A primeira, foi uma viagem terrestre que durou 33 dias, entre os meses de dezembro de 2017 e janeiro de 2018, a partir de Brasília até Jericoacoara (Ceará), nesta primeira oportunidade sem parar no litoral baiano. Percorremos vários destinos entre os estados do Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará.

A segunda vez, também de carro, por duas semanas, ocorreu agora em Março de 2018. Saímos de Brasília e aproveitamos parte do litoral norte baiano.

Em ambas as vezes poderíamos ter feito as viagens de avião. Entretanto, perderíamos a experiência de conhecer melhor esta rica e encantadora região do país.

Acreditamos, também, que o caminho até o destino é parte importante da viagem, e por isso curtimos cada segundo.

Vocês devem estar se perguntando: Mas e as crianças, como se portaram? Não é uma loucura? Elas choram? Elas aguentam? O que vocês fazem durante o percurso? Estas são algumas perguntas que recebemos com frequência.

Vamos lá… Antes de tudo, vale dizer que, apesar de termos 2 DVDs portáteis, nós não os usamos nos percursos de carro na cidade em que moramos. Portanto, transferimos esta prática para as nossas viagens. O entretenimento durante o roteiro, para os nossos filhos, é igual ao que fazemos nos deslocamentos em nossa cidade. Usamos músicas, historinhas infantis, algumas paradas para gastar energia e levamos muitos petiscos para os momentos mais tediosos. Lembrando que sempre rola uma soneca dentro do carro entre uma parada e outra. E, assim, conseguimos passar algo em torno de 10 horas viajando na estrada (mas, atenção: se normalmente você usa algum entretenimento digital com as crianças, não se pressione a fazer diferente só porque a gente faz assim, hein? Sabemos que não existe fórmula única e intransponível – o que funciona com a gente, pode não funcionar com outras famílias!).

As crianças às vezes choram, principalmente quando são mais novas. Mas tudo se resolve na base do diálogo. Até que um dia elas se acostumam ao nosso ritmo, e, num piscar de olhos, os episódios são cada vez mais raros. Nada como o hábito para que elas passem a curtir tanto como nós curtimos viajar.

Outro evento que ocorre, também mais frequente quando as crianças são mais novas, é o vômito no carro em movimento, como contaremos nesta matéria.

A PRIMEIRA IDA DE CARRO AO LITORAL:

Em 19 dezembro de 2017, saímos de Brasília às 17h até Barreiras (BA) para pernoitar, depois de receber o carro da oficina, que deu um probleminha na suspensão e na caixa de arrefecimento do motor.

Levamos comes e bebes e paramos apenas 1 vez para as crianças jantarem a comida que preparamos ainda em casa (usamos potes da Thermos que conservam a comida quentinha por até 5 horas). A Soninha, nossa menininha, estava com 1 ano e 11 meses nesta viagem. Quando ela combina “comida de panela+andar de carro”, ela vomita…. E, infelizmente, desta vez não foi diferente (Yuri também era assim na idade dela).

Precavidos, preparamos a cadeirinha ainda em Brasília, forrando com panos para tirar a sujeira para quando isso acontecesse.

Sendo assim, depois do episódio, tiramos os panos e colocamos dentro de um saco plástico, para evitar que o aroma indesejado ficasse por mais tempo em nosso veículo. Paramos no acostamento, e depois de tudo e todos limpos, seguimos viagem.

Ah, vale dizer que, como a aromaterapia faz parte das nossas vidas, nestas horas usamos óleo essencial de eucalipto glóbulos ao redor da cadeirinha (2 gotinhas, uma de cada lado), o que ajuda a melhorar o enjôo e a neutralizar o cheiro indesejado típico deste tipo de acidente (indicamos óleos de qualidade, como das marcas Laszlo ou Terra Flor).

Foram 7 horinhas de viagem até a parada para dormir – Barreiras (BA). Lá, escolhemos o Ventura Hotel, que estava com a recepção aberta por volta da meia-noite. A diária foi de R$ 165,00 para o casal, 1 bebê e 1 criança, com direito a café da manhã.

No dia seguinte, saímos de Barreiras rumo a Lençóis. Saímos tarde, por volta de 10h da manhã, depois do café no Hotel Ventura, que achamos muito bom para pernoitar.

Neste segundo dia de viagem também paramos apenas uma vez: para almoçar, depois de 2 horas de estrada, no restaurante Portal West Grill, em Ibotirama (BA). O preço é razoável para uma comida estilo buffet, R$35,00 por pessoa. O bom é que crianças até 5 anos não pagam, caso das nossas.

Seguimos viagem. Sempre abastecendo o carro com água mineral, petiscos (amendoins, castanhas, biscoitos de polvilho, cream cracker, pipoca doce, pipoca salgada), frutas frescas e frutas secas (como cranberry, banana, manga, maçã, abacaxi, goiaba) e algumas guloseimas, oferecidas de forma bem mais controlada, como chocolate e jujuba. Assim, os momentos tediosos são contornados por esses pequenos grandes prazeres. Rssssss

Chegamos a Lençóis por volta das 16h30. Lá, ainda curtimos os Caldeirões de Serrano, atração bem legal muito próxima ao centro da cidade. Tratam-se de crateras (em um visual meio que de terreno lunar!) que formam poços de piscinas naturais com água gelada, mas que proporcionam um banho delicioso! No dia seguinte seguimos viagem, chegando de forma segura a Sergipe.

Por termos dois DVDs portáteis, como já falamos anteriormente, os levamos para alguma eventualidade. Entretanto, não foi necessário ligá-los durante esta parte da viagem! Isso porque as crianças já são acostumadas desde pequenas a interagir conosco no carro. Mas eles ainda assistiram a alguns DVDs nos hotéis.

Em compensação, durante o trajeto de carro, a música “She loves you”, dos Beatles, foi a grande pedida dos pequenos, chegando a ficar por quase 1 hora no repeat (pelo menos é melhor que a galinha pintadinha!) .

SEGUNDA IDA AO LITORAL LITORAL A PARTIR DE BRASÍLIA

Saímos de Brasília para aproveitamos parte do litoral Baiano: Costa do Sauípe(5 dias) , Praia do Forte (2 dias), Salvador (2dias) e Morro de São Paulo (4dias).

Desta vez, com o carro em ordem, saímos cedo, dia 17 de março de 2018, sábado, às 4 horas da manhã. Na noite anterior colocamos todas as malas no carro e no maleiro que adquirimos para esta viagem. O maleiro foi necessário para que pudéssemos levar as malas de parte da família que iria de avião a partir de Fortaleza até a Bahia para nos encontrar.

Mas admitimos que são tanta “tralhas” viajando com as crianças, que colocar as malas no maleiro deixou nosso carro super confortável! E olha que temos um carro bem grande, com capacidade para até 7 pessoas.

Paramos em Barreiras, desta vez para almoçar. No restaurante “Delícia gourmet”, self-service a quilo, tido como bom no TripAdvisor (pontuação 4,0) e bem recomendado quando paramos num posto de gasolina da cidade para abastecer. Realmente a comida estava bem saborosa.

Como era de se esperar, momentos depois de seguir viagem paramos para limpar o vômito da nossa menina, da mesma forma que aconteceu no final de 2017. Haja aromaterapia!

Depois, seguimos até Lençóis, onde dormimos na Pousada Pai Inácio, bem na estrada, e por isso mesmo super prática para que pudéssemos sair cedo rumo ao litoral baiano. Vale pena ligar antes para reservar, (75)3229-4068, às vezes eles oferecem preços melhores que o booking.com .

No dia seguinte, saímos após o café da manhã na pousada, nem paramos para almoçar. Todos ficamos petiscando os beliscos os que levamos para o trajeto. Sim, as crianças também. Elas saem da rotina nos momentos que achamos necessário e acreditamos que isto é muito bom para que elas aprendam a serem maleáveis com as coisas da vida. O bom de adotar os petiscos é que, neste dia, a Soninha não vomitou.

Chegamos em um belo final de tarde à Costa do Sauipe, onde curtimos por 5 dias em um esquema all inclusive, conforme post neste link.

Viram só? Viajar com eles é possível, mas sem sair da zona de conforto, nada acontece. As viagens são otimas para proporcionar momentos prazerosos a todos da nossa família!

.

Gostou do nosso site? Continuem lendo as nossas histórias aqui no blog e aproveitem para nos seguir também no Instagram! É só seguir o perfil @perninhasnervosas!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s