Nosso maior perrengue em viagens

Como já relatamos, chegamos cedo da manhã na Cidade do México, passeamos pela cidade (vide post “Conexão no México“) e retornamos ao aeroporto no começo da tarde, por volta das 13 horas.

Entramos pelo portão de embarque e, como faltavam quase 3 horas para a decolagem, procuramos saber se existia uma sala VIP, já que possuíamos um cartão de crédito que geralmente tinha parcerias com esses lounges nos aeroportos internacionais. Por coincidência, a sala VIP do nosso cartão era a mesma da Aeroméxico, companhia aérea com a qual estávamos viajando. Ficamos lá por algum tempo, Yuri tomou banho já que havia preenchido a fralda por todos os lados, se é que vcs nos entendem e, faltando 30 minutos para a saída do vôo, perguntamos ao funcionário da Aeroméxico na sala VIP onde ficava o nosso portão. Foi-nos indicada uma direção no saguão em forma de U.

O portão era o de n° 65, fomos na direção indicada e percebemos que, depois de muito andar passando pelos portões 60, 61, 62, estávamos chegando ao final do saguão e nada do 65… No portão 63, último daquela ala, um comissário nos informou que o portão 65 ficava do lado oposto ao que nos haviam indicado! Corremos desesperados, com mochilas pesadas, um menino no colo e outra na barriga…

Chegamos bufando, 15 minutos antes do horário previsto para partida do nosso vôo. O portão estava fechado, mas ainda podíamos ver o avião parado ao final do finger e ainda haviam 2 funcionárias da Aeroméxico no balcão do portão. Explicamos o que havia acontecido e uma delas, friamente, falou que o vôo estava encerrado, pois 20 minutos antes do horário eles fechavam o portão. Encaminhou-nos, então, ao serviço ao cliente da Aeroméxico que, naquele momento, estava com uma fila quilométrica. Resolvemos perguntar se era lá mesmo que poderíamos resolver o nosso problema e o atendente explicou que teríamos que sair da sala de embarque e resolver nosso problema no balcão da Aeroméxico.

Até aí, inocentemente acreditávamos que nos encaixariam em um próximo vôo e que, no máximo, pagaríamos uma multa por termos perdido a conexão, ainda que por culpa da própria Aeroméxico! No balcão de atendimento – pasmem! -fomos informados que precisaríamos pagar o valor de U$1.100,00 (mil e cem DÓLARES!!!!!!) POR PESSOA, incluíndo o nosso filho de 1 ano, pelo trecho Cidade do México -Nova York!!! Ou seja, com a cotação do dólar à época, ficaria torno de uns R$13.200,00!!!

Ficamos desnorteados, sem acreditar no que estava acontecendo e sem saber o que fazer. Pedimos para conversar com algum gerente ou alguém que pudesse resolver nosso problema. Fomos até a supervisora que, insensivelmente, confirmou a informação e os valores que a outra funcionária tinha nos passado e, ignorando nosso apelo acompanhado do pranto da Erica, virou a cara e passou a atender outra cliente. Estávamos completamente desamparados pela própria companhia que nos fez perder a conexão e que – de forma surreal! – não nos reconhecia como passageiros em conexão, mas sim como estranhos querendo comprar o primeiro vôo disponível para Nova York!!!!

A essa altura Yuri – e todos nós! – já estávamos exaustos, com um celular quase descarregando e em um aeroporto sem wi-fi. As tomadas eram diferentes das brasileiras e tivemos que comprar um carregador para o celular. Em seguida, tivemos que consumir em uma Starbucks para que tivéssemos acesso à internet e para que pudéssemos pesquisar passagens mais baratas. Finalmente, encontramos um preço mais acessível na Interjet, companhia aérea low coast que atua no México: as 3 passagens totalizaram U$617,96.

Já eram umas 23h, estávamos TODOS simplesmente exauridos e o vôo sairia às 2h00 da manhã.

Viajamos em direção a Nova York, sem muito conforto – afinal, se tratava de uma empresa de baixo custo – mas conseguimos finalmente chegar ao destino, sem a menor colaboração daquela que foi, sem sombra de dúvidas, a pior companhia aérea com a qual já viajamos.

Mas, bola pra frente, nossa viagem estava só começando e ainda tínhamos muito a explorar.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s